sábado, 25 de abril de 2009

Dias e mais dias. Eu tenho mania de ficar observando o tanto que tudo passa rápido. É a única impressão que eu andei tirando da vida. Acho que pela falta de novidades, pela falta de emoção. As coisas boas só dão a impressão de terem passado rápido quando acabam. Engraçado, quando a gente vive momentos bons, parece que eles são longos e duradouros. Mas não, parece que tudo corre com horário marcado, parece que tudo tem hora pra acontecer.
Eu infelizmente vejo o tempo passar, e sinto ele passando. Tudo está indo, mas eu não estou indo junto, não completamente.
E sempre existem perguntas na minha cabeça. Será que eu estou perdendo tempo, será que estou vivendo do jeito que deveria? Eu deveria fazer o que todos da minha idade fazem? E o que eles fazem? Eles saem muito, eles namoram muito, eles transam muito, e essa demasia dá a impressão de que todos vivem mais do que eu.
Mas na mesma hora que eu me pergunto sobre isso, eu sei que eu não viveria como a massa vive.
A minha forma de ver e ser na vida, não é comum. Enquanto eu me prendo aos detalhes, a maioria atropela tudo que deveria ser visto. Enquanto estão todos dançando em festas, eu estou em casa batendo cabeça, ouvindo The Night do Disturbed. Enquanto todos transam , eu estou dormindo.
E é assim, o meio da a impressão de que eu não vivo, a minha tia mesmo já disse que eu vou ficar solteirão, devido ao fato que eu não saio. Eu saio de casa sim, quando me dá vontade, vou em shows com amigos, ou vou ao cinema. Eu só não saio com tanta frequência como a filha dela.
Eu não sou do tipo que qualquer programa me agrada, eu não gosto de multidões com muita frequência. Enfim, eu não sou como todo mundo é.
Eu fico refletindo sobre isso, quando as pessoas dizem que eu estou perdendo a vida. Que eu deveria sair, transar, e rir como um abestado. Eu definitivamente não preciso disso, incomoda? Claro, você se sente o "Stranger".
No mais eu vou continuar do jeito que eu estou. Saindo quando me dá na telha, transando quando tiver namorando, eu não vou ficar transando com meio mundo, só pra dizer..."COMI VOCÊ". E nem vou ficar bancando uma coisa que não existe.

2 comentários:

Às ou Limão disse...

"Enquanto todos transam , eu estou dormindo.
E é assim, o meio da a impressão de que eu não vivo, a minha tia mesmo já disse que eu vou ficar solteirão, devido ao fato que eu não saio. Eu saio de casa sim, quando me dá vontade, vou em shows com amigos, ou vou ao cinema. Eu só não saio com tanta frequência como a filha dela.
Eu não sou do tipo que qualquer programa me agrada, eu não gosto de multidões com muita frequência. Enfim, eu não sou como todo mundo é.
Eu fico refletindo sobre isso, quando as pessoas dizem que eu estou perdendo a vida. Que eu deveria sair, transar, e rir como um abestado. Eu definitivamente não preciso disso, incomoda? Claro, você se sente o "Stranger".
No mais eu vou continuar do jeito que eu estou. Saindo quando me dá na telha, transando quando tiver namorando, eu não vou ficar transando com meio mundo, só pra dizer..."COMI VOCÊ". E nem vou ficar bancando uma coisa que não existe."


Só que no meu caso seria "DEI PRA VOCÊ"

xD

Black Crow disse...

É bem melhor você fazer as coisas com vontade, do que fazer sem vontade e pensando no que os outros vão pensar.
Do que adianta você seguir o quê as pessoas te dizem, se vai contra seu querer?

De vez em quando também fico refletindo sobre a minha vida e o tempo, parece que passa rápido demais, mas acho que o que leva isso é a rotina. É bom de vez em quando inventar algo novo pra fazer, mesmo sendo em casa, mas ao menos nos faz sair um pouco desses dias que parecem sempre estar correndo depressa e sem aproveitamento de nossa parte.