terça-feira, 20 de julho de 2010

Lembrança X Esquecimento


Passaram-se alguns dias desde que eu me vi perdido outra vez. Me senti como uma folha ao vento. Mas é que na verdade eu realmente não tenho raízes. Sumi, porque sumir faz parte de mim, de tempos em tempos eu me calo, porque não há nada pra falar ou porque eu simplesmente não quero lembrar.

Porém lembranças me definem. Sou quase um arquivologista, registro tudo, guardo tudo, cuido do que guardo. Divido as minhas cartas em confidenciais e ultra-sigilosas, guardo pequenas e grandes coisas, ilustro dias e momentos, todos os dias eu escrevo num livro de couro preto. Sou o senhor das memórias e palavras perdidas.

Eu tenho medo de ser esquecido, por isso me preocupo tanto em lembrar das pessoas. Porém infelizmente para muitos não fomos absolutamente nada. E é aí que essa minha forma de ser me prejudica.

Morrer para mim não é apenas não existir fisicamente, é ser esquecido e é por isso que pensar nisso me deixa triste. Porque eu sei que a medida que os dias passam, eu vou me tornando algo minúsculo, tão pequeno e uma hora eu já não serei nem um grão de areia pra você.

4 comentários:

Lunático disse...

Memórias... não são só memórias. São fantasmas que me sopram aos ouvidos coisas que nem quero saber... As vezes as lembranças podem ser pertubadoras, ou sacras.

. Teph . disse...

Ser esquecido por alguém que agente não esquece é uma das piores coisas dessa vida. :/


Ps.:
Eu lembro da sua história. A sobre o Medonho.
Eu tava gostando.
Quando quiser, posta algo mais. :)

. Teph . disse...

Ah me esqueci de dizer que sua arte ficou linda!

• || Rai || • disse...

Não pense dessa forma. As pessoas que realmente gostam de vc, nunca irão te esquecer, isso é certeza... elas só não estarão mais fazendo parte de seu cotidiano, mas chegar a esquecer alguém é porque vcs realmente não tinham muito contato mesmo. Tipo um conhecido, sabe? Hehee ^^